domingo, 21 de junho de 2009

Quem sou eu



Definitivamente eu não tenho um dono. Sou uma andarilha, e permito que alguém se sinta vinculado a mim, é exclusivamente pelo prazer de ter o ego massageado.Sou fiel apenas ao meu instinto selvagem, que finca suas raízes em todo e qualquer terreno, mas faço isso como quem demarca território, deixando as raízes sempre num nível superficial.Quanta perplexidade brilhar nos meus olhos de gata selvagem ao perceber que estava chamando solidão de liberdade. Mas por enquanto nada disso passa pela minha cabeça. Eu apenas sonho em ser uma pantera. Se alguém me faz um carinho, no sentido literalmente carinhoso da palavra, eu mostra as garras e, se estiver de mau humor, dou logo uma patada e fico miando sarcasticamente diante da substância densa e vermelha que agora escorre pela pele. Como gata selvagem tenho qualquer coisa de cruel, é verdade, e essa crueldade se deve, em grande parte, ao fato de acreditar pateticamente que sou uma pantera. Por achar que sou uma pantera, me visto de preto, lêio Allan Poe e juro que é hard core, mas fico irritada ao ouvir “Eu sou de ninguém / Eu sou de todo mundo / E todo mundo é meu também”. Me irrita porque não quero ser somente gata selvagem quero ser uma pantera negra.


Gata selvagem

3 comentários:

  1. Todas somos panteras!
    É só seguir a pista da vida e aproveitar bastante!
    Obrigada por estar no meu cantinho.
    Seja bem vinda!

    Lygia

    ResponderExcluir
  2. Hello, I have visited your interesting blog,come and get you advertising on my blog.Put your link in comments,or in followers,
    on my blog .Hello http://dog-lucky.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Hello, I have visited your interesting blog,come and get you advertising on my blog.Put your link in comments,or in followers,
    on my blog .Hello http://dog-lucky.blogspot.com/

    ResponderExcluir